quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Livros que li: Inferno - Dan Brown


Sou leitora e fã declarada dos livros de Dan Brown.
Sempre envolventes, com temáticas atuais e polêmicas. Mescladas com a história das artes e conceitos religiosos.
Código da Vince, Anjos e Demônios, O Símbolo Perdido fazem muito essa linha.

Tenho um sonho enrustido, que é fazer apenas por hobby, um curso de história da arte, portanto, tenho essa grande afeição pelo Dan Brown.
Seus livros são quase um guia turístico de bolso.
Gostaria muito de poder visitar a Europa, usando algum livro dele como roteiro de visitação,rsrs
Alguém, provavelmente já deve ter realizado essa ideia.

O Inferno, seu último livro, é tão bom quanto os outros.
Aborda uma temática super atual que é a superpopulação mundial, seus efeitos e a possibilidade de extinção da espécie humana decorrente disso.
Um cientista louco quer dar um jeito de parar esse crescimento populacional desenfreado, porém com métodos pouco ortodoxos.
E nosso herói de terno de tweed, mais uma vez entra na história, meio sem querer e se mete numa super enrascada.
E o palco agora é a Itália e cheio de referências a Divina Comédia de Dante Alighieri.

O livro se inicia com a explicação do contexto, segue por uma busca desenfreada pelas cidades e pontos históricos/turísticos italianos e tem uma reviravolta incrível no fim, portanto (não desanime se estiver no meio do livro e estiver achando-o cansativo, vale a pena ir até o fim.


Agora que acabou, fica aquela tristezinha de não ter mais daquela história pra acompanhar...fico na espera da próxima encrenca em que o Langdon vai se meter, pra conhecer mais pontos turísticos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário